Lista de Notícias

Opinião

Melhor morrer de vodka do que de tédio

Pior que tem gente ainda pensando assim

03 de Mar, 2015 - 21:57:26
E Monteiro Lobato sempre teve razão

E a Petrobras afunda cada vez mais

02 de Mar, 2015 - 20:21:50
Os do Contra

O que se esperar deles?

01 de Mar, 2015 - 19:20:48
O "Impichamento"

Antes nós não conhecíamos esta palavra, impeachment. Foi o Collor quem nos ensinou.

01 de Mar, 2015 - 01:45:26
Debate, mas onde já?

Mas o que ocorre nada mais é do que uma luta de rua desnecessária, onde cada um pinta os defeitos do outro com mais detalhes do que uma obra renascentista.

26 de Set, 2014 - 16:40:18
Roda viva

E nessa roda que leva ao final de mais um pleito eleitoral amapaense, o que não falta é gira-gira entre aliados e adversários, que dormem lado a lado entre carícias e juras de amor e acordam em litígio na manhã seguinte.

25 de Set, 2014 - 16:55:44
CEGOS POR OPÇÃO

Cegueira é uma incapacidade orgânica que impede parcial ou totalmente o sentido da visão.Do mesmo modo, e mais usualmente ainda, cegueira significa ignorância, fanatismo, paixão exacerbada, intensidade no afeto, obcecação, tudo que perde o sentido da rac

15 de Jul, 2014 - 17:06:38
Muito choro e as fraldas sujas

Por que não dizer absurdo por parte de quem deveria pela natureza do cargo dar pelo menos o exemplo de que no trabalho do coletivo na gestão pública é o bem comum para a sociedade e deve prevalecer aos ideais egoístas.

10 de Jul, 2014 - 16:06:17
Nem Rei, nem Fé, muito menos Lei

Transplantando essa linha de pensamento para o campo do direito, a quem compete julgar sem envolver as cores, amores, tendências, paixões e rancores

09 de Jul, 2014 - 17:54:50
A ARTE DE ENREDAR E MENTIR

?Nunca na história deste estado se mentiu tanto, para tantos em tão pouco tempo?.

08 de Jul, 2014 - 16:41:33
Para ver o futuro é preciso quebrar o retrovisor

O Amapá não escapou desta vocação, de onde o ensino técnico praticamente adotou a formação de normalistas e técnicos em contabilidade

02 de Jul, 2014 - 15:47:53
A ira vence o delírio

Fiel ao seu lema de que política é encenação, o artífice da propaganda do Planalto, João Santana, trocou o cenário do otimismo de governo pelo embate na arena do pessimismo na campanha eleitoral.

19 de Maio, 2014 - 01:19:27